MINISTÉRIO DA AGRICULTURA

Carnes e G20: na China, Maggi realiza sua primeira viagem como ministro

Maggi negociará o pedido de missão chinesa ao Brasil para a abertura de portos de exportação de carne. Mais de 100 frigoríficos pedem abertura de mercado

(Foto: Carlos Silva/Mapa)

No inicio do mês de junho o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, realiza sua primeira missão internacional no cargo, em viagem à China, onde tentará dar sequência às negociações iniciadas pela ex-ministra Kátia Abreu para ampliar o número de estabelecimentos habilitados a exportar carne bovina, suína e de aves para o país

A chegada de Maggi está prevista para 1º de junho. Na agenda, ele tem uma reunião com a Administração para Supervisão da Qualidade e Quarentena (AQSIQ). O órgão é responsável pela política de controle sanitário e fitossanitário das importações chinesas de produtos agropecuários.

Cabe ao ministro negociar com eles o pedido de missão chinesa de auditoria ao Brasil para a abertura de portos de exportação de carne. Segundo a Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio do ministério, mais de 100 frigoríficos pedem abertura de mercado.

Além disso, Maggi participará, no dia 3 de junho, da Reunião de Ministros de Agricultura do G20 – grupo formado por 19 países de economias mais desenvolvidas do mundo, além da União Europeia. O bloco discutirá medidas para promover a segurança alimentar, o desenvolvimento rural e o crescimento agrícola sustentável em escala global, além de assegurar a contribuição da agricultura para o alcance dos objetivos da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, incluindo a erradicação da fome e da pobreza extrema.

Por fim, a agenda do ministro prevê reuniões bilaterais com os ministros de Agricultura da China, Argentina, Japão, Rússia e Coreia do Sul, entre outros.

Marcados com: , , ,
Publicado em Pecuária

Twitter: efeagrobrasil