BRUSELAS RECOMIENDA CONTROLES EN FRONTERA

A descoberta do trigo transgênico nos EUA sacode o mercado agrícola mundial.

A descoberta de trigo transgênico em uma fazenda no Oregon que investigam as autoridades norte-americanas fez o Japão e a Coréia do Sul suspenderem as compras do cereal dos EUA, o maior exportador do mundo.

  • Entrada al restaurante Sergi Arola de Madrid, galardonado con dos estrellas Michelín. EFE/ Paco Campos
  • El hallazgo de trigo transgénico en una granja de Oregón que investigan las autoridades estadounidenses ha hecho que Japón o Corea del Sur suspendieran las compras de ese cereal a EEUU, el mayor exportador del mundo, hasta conocer más detalles.
  • A descoberta de trigo transgênico em uma fazenda no Oregon que investigam as autoridades norte-americanas fez o Japão e a Coréia do Sul suspenderem as compras do cereal dos EUA, o maior exportador do mundo.
  • A descoberta de trigo transgênico em uma fazenda no Oregon que investigam as autoridades norte-americanas fez o Japão e a Coréia do Sul suspenderem as compras do cereal dos EUA, o maior exportador do mundo.

Na Europa, a Comissão Europeia (CE) advertiu nesta quinta-feira sobre a descoberta de trigo geneticamente modificado não autorizado nos Estados Unidos e recomendou aos Estados-Membros estabelecer controles para determinar se o produto chegou às fronteiras da União Europeia, onde o país que mais importa é a Espanha.

O Departamento de Agricultura dos EUA anunciou que está investigando o caso e disse que não há trigo geneticamente modificado.

Plantas provenientes de sementes geneticamente modificadas de trigo nos laboratórios da Monsanto, inadvertidamente, apareceu no oeste do estado de Oregon.

A empresa recolheu amostras da semente alterada Roundup Ready que foram encontradas em Oregon em suas parcelas experimentais em pelo menos doze estados dos EUA entre 1994 e 2005.Uma das características da variedade foi a resistência ao Roundup, um herbicida Que forma parte de outra das atividades lucrativas de Monsanto, ademais pesticidas.

o Departamento de Agricultura não aprovou o uso comercial de Roundup Ready, Monsanto cancelou a produção desses grãos considerando que não teria um mercado viável pela desconfiança do consumidor para os alimentos geneticamente modificados.

Publicado em Agricultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Twitter: efeagrobrasil