JAPÃO

Japão eleva alerta por gripe aviária após encontrar ave infectada em Tóquio

O vírus da gripe aviária reapareceu no Japão em 2014 e teve um pico em 2016, quando um novo surto levou ao sacrifico de cerca de 1,7 milhão de animais

Foto: EFE/Bert Jansen

O Japão elevou ao máximo nesta quinta-feira o nível de alerta por gripe aviária, após encontrar uma ave silvestre morta em um parque do sul de Tóquio que estava infectada com uma variante altamente patógena deste vírus, confirmaram à Agência Efe as autoridades locais.

O animal, um tipo de açor – similar ao gavião -, foi achado em um parque da capital japonesa no início do mês e após a realização dos exames pertinentes, se constatou ontem que estava contagiado pela cepa H5N6 do vírus, uma variante especialmente danosa.

Este é o único caso confirmado na capital até o momento, segundo explicou um porta-voz do governo metropolitano de Tóquio à Efe, que ressaltou, no entanto, que as autoridades “vigiarão com cuidado” a área que se estende em um raio de 10 quilômetros de onde se encontrou a ave morta.

A notícia é divulgada uma semana depois de as autoridades japonesas terem sacrificado cerca de 91.000 frangos em uma fazenda do sudoeste do país, que estavam igualmente infectados por esta cepa da gripe aviária, o primeiro caso deste tipo no atual inverno.

O novo surto foi detectado em uma fazenda da província de Kagawa após a análise de mais de 50 frangos mortos, razão pela qual se decidiu suspender o movimento de ovos e animais em um raio de 10 quilômetros.

O vírus da gripe aviária reapareceu no Japão em 2014 e teve um pico importante dois anos depois, quando um novo surto obrigou a sacrificar cerca de 1,7 milhão de animais.

Marcados com: , ,
Publicado em Agricultura

Twitter: efeagrobrasil