Cerveja

Principal cervejaria da Jamaica utiliza mandioca como matéria-prima

A Red Stripe começou a utilizar o amido da mandioca, localmente produzido, com o objetivo de reduzir a dependência da importação de ingredientes.

Foto: EFE/Geoff Caddick

A principal cervejaria local da Jamaica, Red Stripe, começou a utilizar o amido da mandioca localmente produzida como matéria-prima para elaborar seus produtos, com o objetivo de reduzir sua dependência da importação de ingredientes.

A informação foi confirmada nesta segunda-feira pela Comunidade do Caribe (Caricom) em comunicado no qual detalha que o primeiro lote de cerveja desta popular marca com mandioca local chegou ao mercado na semana passada.

No Brasil, a cervejaria artesanal Colorado, de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, já utilizava a mandioca como matéria-prima auxiliar em um dos seus rótulos, a Colorado Cauim.

A empresa realizou a mudança da cevada para a mandioca em uma fábrica que entrou em funcionamento em janeiro, localizada em Spanish Town, a oeste da capital Kingston, com um investimento aproximado de US$ 2 milhões.

Em janeiro de 2014, a Red Stripe assinou um acordo com o Ministério da Agricultura da Jamaica para semear e cultivar 2.400 hectares de terreno por um período de cinco anos.

Em outubro, a principal cervejaria da ilha anunciou que investiria US$ 10 milhões nos próximos cinco anos no plantio e colheita de mandioca para a elaboração de suas cervejas e “impulsionar assim a produção local e garantir a estabilidade da economia jamaicana”.

Um comentário sobre “Principal cervejaria da Jamaica utiliza mandioca como matéria-prima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Twitter: efeagrobrasil