Recorde histórico da safra de grãos agora é de 227,9 milhões de toneladas

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou que a safra de grãos 2016/2017 deve bater um recorde histórico e chegar a 227,9 milhões de toneladas, em seu 7º Levantamento da safra atual. O valor, que é 22,1% maior do que […]

feijão

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou que a safra de grãos 2016/2017 deve bater um recorde histórico e chegar a 227,9 milhões de toneladas, em seu 7º Levantamento da safra atual.

O valor, que é 22,1% maior do que o registrado na safra anterior, se deve ao aumento das áreas de cultivo e da produtividade, além de boas condições climáticas.

As áreas de cultivo devem ter um incremento de 3% e chegar a 60 milhões de hectares, segundo a instituição.

Os destaques do relatório são a soja e o milho, responsáveis por 90% da volume total de grãos produzidos país, com crescimento de 15,4% e 37,5% na produção, chegando a 110 e 95 milhões de toneladas, respectivamente.

Em relação aos hectares de produção, devem aumentar 1,4%, chegando a 33 milhões, para a soja, e 7,3%, chegando a 17 milhões, para o milho.

Feijão

Outro grão cuja produção deve crescer é o feijão, com 3,29 milhões de toneladas, números 33% maiores que os anteriores, somando os tipos “preto”, “caupi” e “em cores”(que inclui o carioca).

O estudo também destaca algumas informações sobre o cultivo e o consumo de feijão no país, como a preferência pelo tipo “carioca”, cuja produção está concentrada 80% no Centro-Sul, enquanto o “preto” e o “caupi” são colhidos em maior parte no Sul e no Nordeste, respectivamente.

Com informações CONAB

Publicado em Agricultura

Twitter: efeagrobrasil